PROGRAMA MUNICÍPIO VERDE AZUL AVALIA TRATAMENTO DE ESGOTO DE MARÍLIA

O Interlocutor do Programa Município Verde Azul, Cassiano Rodrigues Leite, e o suplente, Fernando Oliveira Paes, visitaram a Estação de Tratamento de Esgoto do Barbosa, que assim como a do Pombo já estão em funcionamento, para acompanharem a análise técnica de avaliação do esgoto desde sua coleta e posterior tratamento, até a destinação final dos lodos e resíduos gerados. Após a encaminhado à São Paulo relatório técnico comprobatório da existência da estação de tratamento, bem como sua eficiência em cada etapa processada.

A análise técnica é item obrigatório, exigido na Diretiva “Esgoto Tratado”, e municípios que não possuem o tratamento, perdem pontos essenciais para certificação ambiental da cidade.

Segundo o Gestor Ambiental Cassiano Rodrigues Leite, Marília salta à frente de vários municípios neste quesito, uma vez que poucos possuem 100% da coleta e tratamento dos efluentes. “Com as construções das três bacias (Pombo, Barbosa e Palmital), a cidade torna-se membro de um seleto grupo que possui total tratamento de esgoto, o que colabora para a pontuação e consequente certificação ambiental do município junto ao Programa Município Verde Azul. Esta ação demonstra a preocupação que a administração do prefeito Daniel Alonso tem com a população e com o meio ambiente, cuidando da saúde e do ecossistema local.”

Para o Secretário Adjunto do Meio Ambiente e de Limpeza Pública, Fernando Oliveira Paes, a administração tornou-se exemplo em desenvolvimento sustentável, respeitando todas as legislações ambientais: “Desde o primeiro dia, a atual administração focou em equilibrar o desenvolvimento socioeconômico, com os cuidados ambientais. A coleta de lixo está em dia, com frota renovada e plataforma licenciada, conforme requer à legislação vigente”

Fernando Oliveira Paes disse ainda que os Ecopontos serão inaugurados neste segundo semestre, juntamente com o início da coleta seletiva e projetos socioambientais que serão implantados, promovendo a inclusão social e a sustentabilidade. “Além a cidade está concluindo a última bacia de tratamento de esgoto (Palmital), o que colocará Marília entre as poucas cidades do país que alcançaram esse nível com os cuidados de seus efluentes lançados”.

Segundo o Secretário do Meio Ambiente e Limpeza Pública de Marília, Vanderlei Dolce, outras ações em favor do meio ambiente promovidos por esta administração é a criação de Legislações e Plano de Arborização para salvaguardar nossa biodiversidade e promover a sustentabilidade. “Mesmo neste momento difícil pelo qual a humanidade passa, o Prefeito Daniel nos pede para priorizar o meio ambiente e a saúde da população, o que nos permite apresentar resultados relevantes ao Programa Município Verde Azul. Passamos três anos corrigindo falhas e executando ações para, agora sim, apresentarmos o que temos de melhor no que se refere ao meio ambiente. A certificação ambiental da cidade certamente virá este ano, e comprovará o quanto Marília evoluiu nos cuidados com nosso ecossistema.” Disse o secretário.

O Programa Município Verde Azul é coordenado pelo Governo do Estado de São Paulo, e avalia todos os municípios do estado nas 10 Diretivas temáticas, sendo estas: Município Sustentável; Estrutura e Educação Ambiental, Conselho Ambiental; Biodiversidade; Gestão das Águas; Qualidade do Ar; Uso do Solo; Arborização Urbana; Esgoto Tratado e Resíduos Sólidos.

 

fonte: Comunicação PMM