GAPRUS DISPONIBILIZA APOIO A DEPENDENTES QUÍMICOS GRATUITO EM MARÍLIA

A dependência química é um grave problema de saúde pública, impactando negativamente em todos aspectos da vida do usuário, família e sociedade. Devido ao grande número de fatores que causam a dependência, o tratamento é complexo e rodeado de recaídas.

O tratamento com medicamentos deve ser acompanhado (sempre que possível) de programas e ações multidisciplinares de cuidado, prevenção e ações educativas sobre a dependência, agregando positivamente ao dependente e tornando o tratamento mais eficaz.

Pensando nisso o GAPRUS está à disposição da cidade ajudando usuários e familiares gratuitamente. Baseados em um programa de prevenção à recaídas em um grupo terapêutico, como dispositivo de acolhimento e cuidado, possibilitando assim uma reflexão e conhecimento de suas fragilidades e comportamentos, para enfrentar com conhecimento de causa a dependência.

Em tempo de Coronavírus veio o distanciamento social e o grupo teve que se readequar para não interromper os acompanhamentos. “Neste sentido foram criadas 04 salas virtuais, sendo uma para o grupo de usuários, outra para o Grupo de família e outras 02 para acolhimento e aconselhamento terapêutico inicial e, também de sensibilização para aqueles que ainda não conseguem participar de grupos, por receio da exposição”. Afirmou a Profª Dra Meire Luci Silva, mentora do grupo.

“Tivemos que repensar nossas abordagens e buscar acesso a este público por ferramentas virtuais, ofertando através do grupo, recursos e estratégias de enfrentamento neste momento difícil, pois sabe-se que neste contexto pandêmico tivemos um aumento do uso abusivo de substâncias (álcool, tabaco e outras drogas) ”, continuou Dra Meire.

Como nesta época de Pandemia não sabemos quando a situação voltará ao normal, o se reinventar é a base da continuidade, possibilitando assim o aumento no número de pessoas que podem ser ajudadas através destas salas on-line.

“Os atendimentos são gratuitos e acontecem às terças-feiras das 19 às 20h30. Atualmente estão sendo disponibilizados links de acesso para cada grupo (usuários e família) e também para as salas de acolhimento. Outra forma de contato que este público pode se beneficiar são os grupos do GAPRUS pelo Whatsapp. Não é necessário encaminhamento, tanto o dependente quanto a família podem buscar o grupo espontaneamente. Os únicos critérios são: participação voluntária e o dependente químico não poderá estar sob efeito da substância. Nosso Whatsapp: 14 99164-5987 está inteiramente a sua disposição. ”, destacou.

Existe a possibilidade de auxiliar o grupo nesta honrosa missão de ajuda ao próximo, e você pode ser uma dessas pessoas. Divulgue em suas redes sociais ao maior número de pessoas que conseguir, com isso temos a certeza que o auxílio chegará ao conhecimento de quem tanto necessita desta oportunidade. Siga o GAPRUS nas redes sociais e compartilhe.

Por fim leia mais O Mariliense