MIRASSOL ELIMINA SÃO PAULO E VAI ÀS SEMIFINAIS DO PAULISTA

O Mirassol fez história no Morumbi. O Leão, como é conhecido, surpreendeu o São Paulo nesta quarta-feira (29) à noite ao vencer por 3 a 2 e se classificar pela primeira vez às semifinais do Campeonato Paulista.

O feito impressiona ainda mais pelo fato de o time do interior ter perdido 18 jogadores durante os quatro meses de paralisação do Estadual devido à pandemia do novo coronavírus (covid-19), e ter o elenco recheado com jogadores formados na base.

Após a classificação histórica, o Mirassol aguarda a sequência das quartas de final para saber quem enfrentará.

O Leão no entanto volta a campo no domingo (2), podendo jogar às 16h (duelo da melhor e da pior campanha entre os semifinalistas) ou às 19h (partida entre segunda e terceira melhores campanhas) no horário de Brasília. Já o Tricolor retorna aos gramados em 9 de agosto, às 16h (de Brasília), contra o Goiás, fora de casa, na estreia do Campeonato Brasileiro da Série A.

O JOGO

Na primeira meia hora de jogo, o Mirassol deu aula de eficiência. O time do interior precisou de apenas duas chances, em meio à pressão tricolor, para abrir 2 a 0. Aos 18 minutos, a zaga do São Paulo parou, e o centroavante Zé Roberto escorou para as redes de cabeça.

Já aos 31, o atacante Juninho puxou contra-ataque pela direita e cruzou rasteiro para Zé Roberto, que apareceu na pequena área, às costas do lateral Juanfran, para ampliar.

A equipe do Morumbi entretanto mostrou que aprendeu com o adversário. Cinco minutos após o segundo gol do Mirassol, o São Paulo já tinha chegado ao empate. Aos 35, o meia Vitor Bueno cruzou pelo alto e o centroavante Pablo, na segunda tentativa, balançou as redes. No ataque seguinte, Pablo ajeitou de cabeça, após bola alçada pelo volante Tchê Tchê, e Vitor Bueno deixou tudo igual.

A pressão tricolor continuou no entanto, no segundo tempo, com o time da casa beirando os 70% de posse de bola e acertando o travessão aos nove minutos, com o meia Igor Gomes.

Com 34 minutos, o São Paulo tinha 21 finalizações, contra quatro do rival. Só que, justamente na quarta oportunidade, o Mirassol decidiu o jogo.

Por fim o goleiro Tiago Volpi e o zagueiro Arboleda se trombaram ao tentar afastar bola cruzada, e o lateral Daniel Borges aproveitou para definir a classificação histórica do Leão.

Sendo assim leia mais O Mariliense.

Fonte: Agencia Brasil