Coluna: Como é fácil observar, a elite política brasileira está junta e misturada novamente

Olá!

Quase 18 horas e eis que chega uma mensagem do meu amigo Athos Guerra (editor chefe do O Mariliense) para que eu pudesse preparar a coluna para este domingo. São tantos assuntos nessa semana que eu não consigo coloca-los em minha humilde coluna.

No último dia 7 em entrevista CNN Brasil, Renan Calheiros (MDB) fez rasgados elogios ao presidente da República. Com o desassombro característica das Velhas Raposas, disse: “Ele já encadeou várias medidas, desde o COAF ( Conselho de Controle de Atividades Financeiras) a questão da receita, a nomeação do Aras para chefia do Ministério Público,, demissão do Moro e agora nomeação do Kássio Nunes, desembargador indicado para o STF.

Como é fácil observar, a elite política brasileira está junta e misturada novamente. Como é possível observar, vivemos uma fase de homens sinceros. Em entrevista ao jornal El País, o ex-presidente da República caprichou na sinceridade e disse Lula, “Eu já tenho idade demais, eu já vivi demais, eu já tenho experiência demais, e eu não vou enganar o povo mais uma vez”.

Por isso, RUI BARBOSA CONTINUA TÃO ATUAL!

“De tanto ver triunfar as nulidades; de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça. De tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra e a ter vergonha de ser honesto”.

Escrito por O Andarilho

Por fim, leia mais O Mariliense