Escorpiões voltam a assustar moradores de Marília

Um problema já recorrente em Marília tem atormentado novamente diversos moradores da cidade, é o aparecimento dos temidos e perigosos escorpiões. Todos os anos eles costumam surgir nas áreas urbanas, causando acidentes relacionados ao seu veneno e amedrontando principalmente quem tem crianças e animais domésticos em casa.

Uma moradora do Jardim Flora Rica, zona Leste da cidade, preferiu não se identificar, mas contou à nossa equipe que já sofreu 4 vezes com o aparecimento de escorpiões em sua casa. Após os acontecimentos a família passou a tomar alguns cuidados extras para tentar evitar novos sustos.

“Vedamos todas as portas e portões, colocamos tela nos ralos e nas janelas e passamos a dedetizar o quintal a cada 3 meses para não aparecer insetos que servem de alimentos para eles. Além disso, meu marido faz uma vistoria pela casa com uma lanterna de luz negra toda noite, foi através dela que conseguimos visualizar os escorpiões”, disse.

Ela informou ainda que avisou sobre o aparecimento no posto de saúde que frequenta. ” Lá eles disseram que outras pessoas também já tinham achado e que entrariam em contato com a zoonoses”.

L.M moradora do bairro Banzato, próximo à região central de Marília, também preferiu não se identificar, mas disse à nossa equipe que também já sofreu com o aparecimento de escorpião em sua residência. “Foi um susto, pois em casa não há nada que possa atraí-los, nem mesmo baratas nós vemos aqui. Acredito que eles possam ter vindo em busca de comida em algumas casas vizinhas que estão abandonadas, com materiais de construção e entulhos nos quintais”, afirmou.

A moradora procurou a Zoonoses, que após alguns dias fizeram uma vistoria na residência e além disso passou a ter novos cuidados para evitar outro aparecimento. “O especialista da zoonoses informou que as visitas estão demorando pois eles receberam vários chamados em diversos pontos da cidade. Em casa, nós decidimos colocar telas nas janelas e também vedamos a porta, mas isso é algo que não depende só de nós, todos deveriam ter essa conscientização”.

Divisão de Zoonoses

A Divisão de Zoonoses de Marília disse em nota que:

“atende às denúncias de ocorrência de escorpiões por meio de visitas de inspeção, avaliação de risco e orientação aos endereços reclamantes. As orientações somente são passadas presencialmente, após a análise de risco de cada local. A Secretaria Municipal de Saúde não realiza aplicação de inseticidas no controle a esses artrópodes, embora grande parte dos reclamantes solicitem, pois esse procedimento não é indicado pelo Programa Nacional de Controle”.

Como evitar

Para tentar evitar o aparecimento de escorpiões dentro de casa, nos quintais e nas demais áreas ao ar livre é necessário adotar algumas medidas de segurança. Além de manter a higiene adequada do local.

Os escorpiões costumam se esconder nas caixas de esgoto, em frestas e buracos nas paredes, caixas de fiação elétrica e tomadas abertas, no meio de entulhos e de materiais de construção. Por isso é importante colocar telas de proteção nas janelas, nos ralos, vedar as portas e fazer a limpeza da caixa de gordura com frequência.

Outro cuidado importante é manter sempre limpo todos os ambientes da casa, principalmente os quintais. A sujeira tende a atrair as baratas, que são um dos principais alimentos dos escorpiões, por isso, ao eliminar as baratas é possível reduzir o risco de aparecimento inesperado desses artrópodes.

 

Por fim, leia mais O Mariliense