No Natal, tráfego fica acima da média, mas acidentes recuam nas rodovias da região

A Concessionária encerrou na tarde desta segunda-feira, 27, a Operação Natal com balanço que aponta aumento no tráfego de 15% em vista do mesmo período de 2020. Mesmo com a movimentação acima de média, os acidentes com vítimas caíram mais da metade.

Levantamento feito pelo CCO (Centro de Controle de Operações) registra em cinco dias de monitoramento, de 22 a 27 de dezembro, um total de seis ocorrências. Em comparação ao período imediatamente anterior, de 15 a 19 de dezembro, onde foram registrados 13 acidentes (redução de 53,84% na avaliação dos dois cenários). Já os acidentes com feridos recuou de sete para duas ocorrências no período de feriado, um declínio de 71,4%. Em ambos os períodos, não houve registros de ocorrências com vítima fatal.

A segurança e a fluidez no tráfego do trecho administrado pela CART, de Bauru a Presidente Epitácio, também são demonstradas pelo apurado nos atendimentos de unidades de resgate. Na mesma base comparativa, os atendimentos pré-hospitalares no corredor caíram 23,68%, de 38 para 29.

Operação em alta

Por outro lado, o socorro ao motorista pego de surpresa por problemas no veículo apresentou aumento em todos os indicadores. Falhas mecânicas foram responsáveis por um acréscimo de 12,23% nos atendimentos (de 257 para 299), enquanto que remoções por guincho cresceram 36,26%, de 171 para 233 chamados.

Operação Ano Novo

Com estimativa de um incremento de até 20% no período de ano novo na movimentação de veículos em seu eixo principal, de Bauru a Presidente Epitácio, a CART Concessionária de Rodovias dá início nesta quinta-feira, 30, à Operação Ano Novo. A mobilização de efetivo e recursos extras é colocada em prática com o objetivo de garantir a segurança e fluidez do trânsito nas viagens para as festividades.

À espera do fluxo acima da média na saída para o Réveillon, o plano operacional terá início às 10h, com encerramento ao meio-dia de segunda-feira, 3.

Nestes dias, a movimentação da saída atinge picos de tráfego na sexta-feira, das 10h às 20h; e no sábado, das 6h às 12h. No retorno, o fluxo excedente é esperado na segunda-feira, das 14h às 20h. 

“A CART atua em parceria com Policiamento Rodoviário Estadual, onde são disponibilizados viaturas operacionais de inspeção, guinchos leves e pesados, unidades de resgate e unidades de suporte avançado, com profissionais treinados e capacitados para atendimento médico, mecânico e remoção 24 horas. Este protocolo cumpre o contrato do Programa de Concessões Rodoviárias do Governo Paulista, com o objetivo de assegurar uma viagem tranquila e segura aos motoristas que utilizam a malha rodoviária estadual”, destaca Luis Santos, gerente de Operações da CART.

Por fim, leia mais O Mariliense

Fonte: CART