Caminhoneiros do ES anunciam greve e outros estados podem aderir

Os caminhoneiros do estado do Espírito Santo entrarão em greve a partir desta quarta-feira (11). A decisão foi anunciada por meio de nota pelo Sindicato dos Transportadores Rodoviários Autônomos de Bens do Espírito Santo (Sindicam/ES). A paralisação foi decidida após o anúncio da Petrobras sobre um novo reajuste de 8,86% no preço do diesel nas refinarias. Nos próximos dias, outros estados também poderão aderir à greve.

O Sindicam afirmou, por meio do comunicado, que o cenário chegou ao limite e que a situação ficou insustentável para os autônomos, após tantos reajustes, seja no preço do combustível ou dos insumos que fazem parte da rotina dos caminhoneiros.

O valor médio do combustível será de R$4,91, antes o valor já estava em R$4,51. Os caminhoneiros temem o preço final nas bombas, que ainda é incerto. A decisão dos caminhoneiros do estado do Espírito Santo vai de encontro ao posicionamento de outros representantes da categoria pelo Brasil.

A greve havia sido descartada em outros estados até o momento, no entanto, com o pontapé inicial de hoje (11), surge novamente a dúvida de como a situação seguirá, após tantos reajustes para os brasileiros.

 

Por fim, leia mais O Mariliense