Emef Amaury Pacheco finaliza trabalho do Projeto Graffiti na Escola

A Emef (Escola Municipal de Ensino Fundamental) Prof. Amaury Pacheco, localizada à rua Izauro Pigozi, 87, no Jardim Bandeirantes, zona oeste da cidade, finalizou na segunda-feira (4), a primeira etapa do Projeto Graffiti na Escola.

O trabalho foi executado pelo artista, grafiteiro e ilustrador Igor Matano, como contrapartida da Lei Aldir Blanc, através de parcerias com as secretarias municipais da Educação e da Cultura.

O contato inicial foi feito pela direção da Emef Amaury Pacheco com a Secretaria da Cultura, sendo que em seguida o artista foi à unidade escolar para conhecer o espaço, como explica a coordenadora pedagógica da escola, Aida Cintra.

“Tínhamos o objetivo de melhorar o visual da nossa escola e procuramos o Paulo na Secretaria da Cultura. Foi ele quem contatou o Igor e vieram conhecer o nosso espaço. Fechamos essa parceria, sendo que o trabalho teve início no dia 18 de maio e foi concluído agora, sendo que os alunos dos 5º anos também colaboraram e se divertiram bastante. Ficou maravilhoso e só temos que parabenizá-lo pelo trabalho que foi feito aqui”, disse a coordenadora.

A diretora Ana Cláudia Perón disse que o objetivo da escola é dar sequência ao projeto. “No que depender da gente, vamos prosseguir com esse projeto, já que temos mais espaços na nossa unidade. Quem sabe possamos fazer outra parceria com o Igor e ampliar esse trabalho.”

Participaram do trabalho os alunos das professoras Patrícia (5º Ano A) e Érica (5º Ano B). “A arte foi muito legal porque foi a primeira vez que tive contato com spray. Aprendi a diferença entre grafite e pichação. E o Igor é um excelente artista”, afirmou o aluno Rafael Augusto.

O artista também recebeu elogios de outros alunos. “O Igor fez uma arte linda e maravilhosa e eu amei pintar a parede pela primeira vez”, afirmou Amanda. “Foi muito legal aprender sobre o grafite e me impressionou bastante a perspectiva que o Igor tem sobre sua arte e a dos outros. Ele é incrível e amei pintar a parede pela primeira vez”, falou Mariana.

Isabela Gatti também aprovou. “Gostei muito das aulas. Tive uma experiência legal e supernova para mim. E também vi que a pichação nas mãos da pessoa certa vira arte.” E o aluno Breno quer mais aulas de grafite. “Gostei muito das aulas de grafite. Queria mais vezes, pois achei muito interessante.”

Atualmente a Emef Prof. Amaury Pacheco conta com 174 alunos do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental I, faixa etária de 6 a 10 anos, atendendo o Jardim Bandeirantes e bairros adjacentes.

 

Por fim, leia mais O Mariliense