Família abre caixão e encontra serragem no lugar do corpo de bebê

Uma família foi surpreendida ao abrir o caixão de um bebê durante o velório, no último sábado (30), em Imbaú, no Paraná. No lugar do corpo da criança havia serragem.

O pai da menina, Eduardo Jangada, de 18 anos, decidiu manter o caixão fechado durante o velório, mas seu pai pediu para que colocassem uma roupinha na bebê, que receberia o nome de Helena. A criança morreu após uma complicação na gestação, durante a 24º semana.

Ao abrir o caixão para vestir a roupinha na menina, a família se deparou com serragem ao invés dos restos mortais da bebê. O pai da criança responsabilizou o hospital pelo sumiço do corpo da menina e um boletim de ocorrência sobre o caso.

Um funcionário da funerária perguntou se a família queria reconhecer o corpo antes de ser levado, mas eles disseram que não.

Um inquérito foi instaurado pela Polícia Civil para investigar e esclarecer o fato.

 

Por fim, leia mais O Mariliense