Copa do Brasil: Corinthians e Fluminense ficam no empate e decisão fica para o próximo jogo

O Corinthians foi ao Rio de Janeiro para encarar o Fluminense na noite dessa quarta-feira (24) pela partida de ida da semifinal da Copa do Brasil. E, mesmo saindo atrás no placar, o Alvinegro reagiu e conquistou um empate heroico: 2 a 2, com gols de Renato Augusto e Róger Guedes.

A decisão pela vaga na final da competição será na Neo Química Arena, no dia 15 de setembro. Para avançar, o Corinthians precisa de uma vitória simples. Em caso de outro empate, a vaga será decidida nos pênaltis.

Primeiro tempo

O início do jogo foi atrasado em alguns minutos devido a sinalizadores acesos na torcida do Fluminense. 

Assim que a bola rolou, no primeiro lance, Arias foi derrubado por Fagner e pediu pênalti. Após a revisão do VAR, o árbitro confirmou a penalidade. Na cobrança de Paulo Henrique Ganso, o Fluminense abriu o placar, 1 a 0. 

Aos seis minutos, o Timão tentou responder em cobrança de escanteio, a bola sobrou para Fábio Santos, que chutou de fora da área e a bola foi por cima do gol. Aos 11 minutos, mais uma chegada do Timão: Renato Augusto cruzou para Yuri Alberto, o camisa 9 cabeceou e a bola foi desviada para escanteio.

Aos 22 minutos, o Fluminense saiu jogando errado e Yuri Alberto roubou a bola. O camisa 9 tocou para Renato Augusto, que entrou na área chutando cruzado. Bola no fundo da rede, 1 a 1.

Aos 31 minutos, Róger Guedes chutou de fora da área, a bola bateu na rede pelo lado de fora, levando muito perigo para o gol adversário. Aos 34 minutos, Gérman Cano cabeceou à queima roupa e Cássio fez uma grande defesa. 

O árbitro deu cinco minutos de acréscimo. O Corinthians teve um contra-ataque importante nos minutos extras, Renato Augusto saiu com a bola e acionou Yuri Alberto, o camisa 9 tentou cortar para direita, mas perdeu terreno e a bola ficou com a defesa do Fluminense. 

Segundo tempo

Sem mudanças no Timão, começou o segundo tempo. E novamente, antes de completar o primeiro minuto de jogo, o Fluminense foi ao ataque e retomou a vantagem no placar, 2 a 1. Após o gol, a partida foi paralisada por alguns minutos, mais uma vez por causa de sinalizadores acesos na torcida da casa.

Aos sete minutos, o Corinthians chegou ao ataque, com Adson. Renato Augusto fez o passe e o camisa 28 cortou para dentro e chutou, mas a bola bateu na defesa.  Novamente em jogada de Cano, pela direita, o artilheiro do Fluminense chutou cruzado e Cássio fez outra defesa gigante.

A partida ficou controlada pela equipe da casa. O Corinthians, quando conseguia a posse de bola, tentava buscar o ataque mais rapidamente. No entanto, a equipe carioca esteve bem postada durante grande parte do jogo. 

As primeiras alterações do Timão aconteceram aos 40 minutos e em dose tripla. Saíram Renato Augusto, Yuri Alberto e Adson para a entrada de Mateus Vital, Gustavo Silva e Ramiro. 

Aos 44 minutos, o Fluminense saiu errado, Fagner recebeu a bola, encontrou Róger Guedes dentro da área, o camisa 10 recebeu, girou e chutou cruzado, 2 a 2.

O árbitro deu cinco minutos de acréscimo. O Corinthians mexeu mais duas vezes: saíram Róger Guedes e Du Queiroz, entraram Xavier e Lucas Piton. 

Fim de jogo no Maracanã. O Corinthians conquistou um empate que levou a decisão da vaga na final da Copa do Brasil para a Neo Química Arena, no dia 15 de setembro.

Próximo jogo

O Corinthians volta a campo na próxima segunda-feira (29), na Neo Química Arena, contra o Red Bull Bragantino, pela 24ª rodada da série A do Campeonato Brasileiro. A partida ocorre às 21h30 (horário de Brasília).

 

Informações e foto: Agência Corinthians

Por fim, leia mais O Mariliense